15.11.09

Quando o mundo se torna uma armadilha

Era uma vez um mundo onde os bebês podiam ser deixados no tapete de borracha no chão, rodeado de brinquedos que serviam como mera distração...

...esse mundo acabou. Os brinquedos se tornaram armas. O tapete se tornou uma arma. O chão se tornou uma arma.

Benjamin está aprendendo novas habilidades. Hooray! Coloco sentado no chão, ele deita e minhoca até o objeto de desejo, que geralmente é o pé do sofá ou a lata de lixo, os brinquedos são coadjuvantes, ou até obstáculos no seu caminho. Até achar o chão. E mete a boca no chão, lambe... Cria anticorpos, né?

Além dele achar que tudo pode ser mordido. Ele bate a boca em tudo que estiver ao seu alcance, já se machucou inúmeras vezes nessa brincadeira. Ele bate a gengiva desnuda, dói e ele olha ao redor. Se eu estiver por perto, alarmada, ele chora. Se não, volta a bater até alguém perceber que está doendo pra ele poder chorar. Hoje eu briguei com ele, disse em voz alta que não podia, aí ele parou. Mas chorou por causa da bronca.

E genioso. Se eu tiro qualquer coisa da mão dele, por mais que eu o faça delicadamente, substituindo por algo que ele possa brincar, cerra os punhos e faz grrrr, até ficar vermelho. Já pensou esse menino no shopping? Not gonna happen. Pelo menos não até ele ter seus... 22 anos.

O salto de desenvolvimento passou. Eu acompanhei. Mas ele tá com prisão de ventre de novo, e dorme mal por causa disso. Ou seja, continuo zumbizando, por isso o blog tá meio assim, abandonado.

Mas eu volto, juro.

5 comentários:

Danuxa 15 de novembro de 2009 22:46  

juro que quando eu li o título, completei: de satanás! é uma armadilha de satanás! aiuhaiuahiauhai
e a quem ele puxou com esse gênio forte? --'

Anderson Santos 16 de novembro de 2009 15:54  

Se ele tiver a mesma votnade de compras que você tem/tinha, realmente é melhor esperar que ele chegue aos 22 anos...

Érika Zemuner 16 de novembro de 2009 23:36  

Vixi... Esse menino, pelo que você conta, vai ter uma personalidade fortíssima. Mas você nem pode reclamar, né, Nanda =x

Soraya 17 de novembro de 2009 00:13  

Deixa ele no parquinho da loja que vc vai ter horas de paz e tranquilidade
ahuahuauhahuahuauhauha
marketing.
beijosssss

Mariana Tezini 24 de novembro de 2009 15:09  

eu não tô aqui lendo esse post, ESSE mesmo, quando olho pro chão o CAetano com a minha havaiana na boca, comendo a sola...nem a tira, a sola....aiaiaiaiaiaiaia